Como Costurar à Mão – 5 Pontos Básicos que Você Precisa Conhecer

Fonte: Crafthubs

Para fazer reparos em roupas ou costurar novas peças não é preciso ter uma máquina. É possível fazer lindas peças tendo apenas tecido, linha e agulha. Aprenda neste post como costurar à mão a partir dos pontos mais indicados para a atividade.

Saber costurar à mão também é essencial para nos livrar nas situações de emergência, como quando a barra da calça solta no dia daquela reunião importante ou quando o vestido se descostura pouco antes da festa.

Existem diversos pontos que oferecem resultados semelhantes aos da máquina de costura, tanto no visual, quanto na resistência. Vamos lhe mostrar os cinco pontos mais importantes para este tipo de trabalho.

Veja também:

Artesanato com Tecido – 4 Exemplos Para Você Fazer

Como Fazer uma Bolsa de Calça Jeans Linda e Fácil

Como Costurar à Mão

Escolha a linha e a agulha

A espessura da agulha deve estar de acordo com o tipo de tecido escolhido. Com tecidos mais encorpados, utilize agulhas mais grossas. Já com tecidos mais finos, prefira agulhas de menor espessura.

Também leve em consideração o tecido utilizado quando for comprar a linha. Nas tramas de algodão, use linha de algodão. Nos tecidos sintéticos, linha de poliéster.

Maneiras de utilizar a linha

O tamanho do pedaço de linha que será usado na costura deve ser definido pela peça a ser costurada. Mas, para evitar que a linha enrole, corte pedaços com no máximo 40 cm.

Em alguns pontos, vamos utilizar a linha simples. Para obtê-la, passe cerca de 10 cm de linha escolhida pelo olho agulha e faça um nó na outra ponta, que deve ficar mais longa.

Para fazer pontos com linha dupla, corte um pedaço de 80 cm, em média. Passe essa linha pela agulha até metade e faça um nó, juntando as duas pontas.

 1 – Ponto Alinhavo

Fonte: Melly Sews

Nível de segurança: Baixo

Indicado para: Costura temporária, quando se deseja ter uma idéia de como ficará a peça depois de finalizada.

Como fazer: O processo de alinhavar resulta em pontos iguais e largos tanto em cima quando embaixo do tecido. Veja, no vídeo abaixo, como fazer esse ponto, que é o mais simples da costura à mão.

Link do vídeo no YouTube: VEDA #8 Como Alinhavar / Atelier Costurando Comigo

2 – Ponto Corrido

Nível de segurança: Médio

Indicado para: Artesanato e reparos em roupas descosturadas

Como fazer: O ponto corrido é feito da mesma maneira que o ponto de alinhavo. O que muda é que os pontos devem ser mais estreitos. Na parte de baixo do tecido, os pontos precisam ficar ainda menores que os de cima, para que, ao ver o tecido do lado direito, eles estejam bem unidos.

3 – Ponto Atrás

Nível de segurança: Alto, pois é semelhante ao ponto reto da máquina de costura

Indicado para: Confecção de roupas

Como fazer: Aprenda a fazer este ponto passo a passo no vídeo abaixo. Utilize linha dupla para que seu ponto fique ainda mais firme.

Link do vídeo no YouTube:  DIY | Ponto Atrás: Costura à mão fácil | Do Sofá

4 – Ponto Chuleado

Nível de segurança: Médio

Indicado para: Impedir que o tecido desfie

Como fazer: O primeiro passo é aparar as partes desfiadas da barra do tecido. No vídeo, confira mais dicas para fazer este ponto.

Link do vídeo no YouTube: DIY | Ponto Chuleado: Costura à mão fácil #3 | Do Sofá

 5 – Ponto Invisível

Nível de segurança: Médio

Indicação: Bainha de roupas

Como fazer: O segredo para fazer este tipo de ponto é ter cuidado para que a linha apareça o mínimo possível na parte externa da peça. Veja, no vídeo abaixo, um passo a passo super prático do ponto invisível.

Link do vídeo no YouTube: How To Do A Blind Stitch

Viu como costurar à mão é simples? Basta ter linha, agulha e dedicação para fazer aquelas peças que você sempre quis, mas achava que não conseguiria sem máquina de costura. Deixe um comentário e conte pra gente o que achou das dicas!

Veja também:

Como Fazer Capa de Almofada Estilosa com Botões

Máscara de Dormir: Aprenda a Fazer um Modelo Fofíssimo!

Compartilhe onde preferir

Fernanda Vasconcelos

Jornalista com duas paixões: a escrita e o artesanato. Nas horas vagas, se dedica a arte do “faça você mesmo” e, desse modo, acrescenta mais cor e alegria à vida.




Comentários

5 comentários

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.


Você pode usar estas tags HTML e atributos:



 



Costura Veja mais >>

JA CONHECE NOSSOS CURSOS?

Mais cursos

Receba ideias gratis por email

[Grátis]
[Grátis]