Pacote de Moldes

Como exportar o meu artesanato?



Olá Pessoal!

Hoje, vou trazer algumas orientações para aqueles artesãos que estão pensando em exportar seus produtos para outros países. Este processo, que já foi muito complexo, tem se tornado cada vez mais simples com a chegada de serviços como o Correios Exporta Fácil.

Cada vez mais o artesanato brasileiro tem caído no gosto do público estrangeiro. Eu percebi isto ao participar de duas das principais feiras de decoração do mundo, a Maison &Objet em Paris e a Intergift em Madri.

A criatividade, as cores vibrantes e a irreverência são o que mais chamam atenção lá fora. Exportar se tornou algo muito próximo de muitos artesãos brasileiros e, muitas vezes, é a oportunidade que faltava para alavancar o reconhecimento profissional e a renda de muitas famílias no país.

Moldes de Feltro

Porém, é necessário que você saiba onde está entrando e entenda o como exportar os seus produtos de forma segura! Pensando nisso, eu preparei algumas informações importantes que você deve saber sobre exportação.

Exporte seu artesanato

O Exporta Fácil é um conjunto de serviços dos Correios que oferece facilidades para empresas e pessoas físicas que desejam exportar seus produtos de maneira mais simples. Com o Exporta Fácil você contrata a logística postal de sua mercadoria até o país de destino e os Correios cuidam por você do registro da operação no Sistema de Comércio Exterior – SISCOMEX, da Receita Federal.

Pacote de Guirlandas em Feltro

Você só precisa preencher o formulário de AWB e toda a burocracia restante fica sob os cuidados dos Correios. Neste sistema de exportação você não precisa obter antecipadamente o registro de Importador/Exportador, nem aguardar a emissão da Declaração Simplificada de Exportação.

Para usar o Exporta Fácil dos correios você precisa realizar os seguintes passos:

1)      Procure uma das Agências dos Correios. Você pode exportar de qualquer cidade brasileira.

2)      Preencha o formulário único de postagem do serviço (AWB). Mas se preferir, você pode fazer o preenchimento, com toda a comodidade, pela Internet e já levar o formulário pronto na agência dos Correios.

3)      Faça a postagem na agência. Caso você tenha um contrato com os Correios, pode usar o serviço Disque Coleta (* 3003-0100 – Destinado a capitais, regiões metropolitanas e cidades – sedes de DDD; * 0800 725 7282 – Vale para todas as demais localidades brasileiras que não têm tecnologia para serem atendidas pelo 3003).

Depois dessas 3 etapas os Correios ficarão responsáveis pelo manuseio e entrega do seu produto no endereço especificado.

Como preencher o formulário de AWB:

Você possui duas possibilidades para o preenchimento deste formulário. A primeira você pode fazer a partir do seu computador, todos os procedimentos de postagem, inclusive realizar consultas de preços e prazos de entregas. O formulário Exporta Fácil possui múltiplas finalidades. Ele é ao mesmo tempo informação de endereçamento, recibo de sua postagem, declaração para a Alfândega e conhecimento aéreo de embarque de carga (AWB), além de guia instrutivo para a emissão de DSE Eletrônica.

A outra forma é indo diretamente a uma agencia dos Correios. Não esquecendo que você deve preencher as informações do formulário Exporta Fácil com exatidão, pois com base nelas os Correios farão por você a digitação dos dados da exportação no sistema da DSE Eletrônica e, ao final, encaminharão para você o certificado de exportação emitido pelo Siscomex.

Informações importantes sobre o formulário:

  • Todo o preenchimento deverá ser feito com letra de forma ou impressão.
  • Evite o uso de abreviaturas.
  • Todos os campos exigidos devem ser preenchidos corretamente e por completo.
  • Os campos com escrita em azul devem ser preenchidos em caso de emissão de Declaração Simplificada de Exportação (DSE) ou apresentação de DSE por você.

Formulário exportação

Para mais informações sobre:

Formulário de AWB: clique aqui.

Prazos e modalidades do Exporta Fácil dos Correios: clique aqui.

Você também pode saber os produtos que são proibidos por país de destino acessando o site dos Correios.

Agora que você está bem informado sobre o que deve fazer quando for exportar, fique ligado na Solidarium!

Em breve, teremos mais oportunidades para que seu produto percorra cada canto do mundo!

Um grande abraço,

Tiago Dalvi

Diretor Executivo

www.solidarium.net

facebook.com/solidarium

Solidarium.net – artesanato, design e inspiração”

Compartilhe onde preferir

Revista Artesanato

Queremos mostrar a você os melhores trabalhos manuais para se fazer, gastando pouco dinheiro e o mais fácil possível para que qualquer pessoa possa fazer.




Comentários

21 comentários

  • vilma diz:

    adorei a idéia de exportar, nunca exportei minhas peças, trabalho com reciclagem na area de erva-mate, pois aqui onde moro tem tudo a ver com erva-mate, é como tudo começou a nossa história,faço revestimento com erva-mate, e texturização em vidro e madeira,. não é porque faço mas garanto que é muito diferente, participo de feirinhas na minha cidade,.

  • Patricia diz:

    Mas para exportar eu não preciso ter CNPJ? Quanto aos impostos, como fica essa parte? Gostaria muito poder exportar minhas pecinhas tenho muito contato na Itália, pessoas físicas também. Poderia me esclarecer mais sobre o assunto?
    Mais uma vez, muito grata!

  • Paula diz:

    As mesmas orientacoes seguem p/ fazer entregas pelo Brasil???
    Oriente-me, por favor…
    Att.:Paula

  • MARIA CRISTINA CHAGAS diz:

    QUERO EXPORTAR CHINELOS DECORADO COM STRASS COM FITAS E STRASS

  • ana celia diz:

    boa noite,
    gostaria de saber se artesanato é cobrado impostos.

1 2 3 5

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.


Você pode usar estas tags HTML e atributos:

Riscos Para Pintura em Tecido








Solidarium Veja mais >>

JA CONHECE NOSSOS CURSOS?

Mais cursos

Receba ideias gratis por email