Pacote de Moldes

Técnica Shibori Passo a Passo: Conheça e Aprenda Como Fazê-la

Quem gosta de se aventurar pelas várias facetas do artesanato, sabe que as técnicas japonesas são ótimas aliadas na produção de itens artesanais, não é verdade? E o shibori é uma delas! 

Embora milenar, saiba que o Shibori está muito em alta na customização de roupas e é por isso que preparamos este conteúdo, para que você aprenda a técnica Shibori passo a passo e, é claro, se inspire muito para renovar o seu guarda-roupa. 

Veja também
Corte e Costura – Como Fazer Roupas Simples e Lindas
Como Customizar Roupas – 35 Ideias Lindas para Copiar

Tudo sobre a técnica Shibori

Começando por suas origens, essa é uma das técnicas de tingimento de tecidos mais antigas do Japão. São mais de 1.300 anos de existência! Já o termo “Shibori” significa, na nossa língua, apertar, torcer, esmagar… 

Moldes de Feltro

Sendo assim, essa é uma técnica que consiste em criar, no tecido, padrões, feitos por meio da prensagem e, posteriormente, tingimento têxtil. Ou seja, você pressiona e guarda partes do tecido para que essas não sejam tingidas e, consequentemente, cria-se artes incríveis nele como um todo. 

Ao ler isso, você deve estar se recordando do tie-dye, não é verdade? Bem, vale ressaltar que se trata de técnicas diferentes. Enquanto o tie-dye consiste na criação de manchas aleatórias, o shibori apresenta técnicas de pressão que visam criar padrões ou desenhos.

Essa pressão, por sua vez, pode ser realizada a partir de variadas ferramentas, como elásticos, linhas, madeira, entre outros.

Achou interessante? Então veja no passo a passo a seguir como fazer um shibori.

Técnica Shibori passo a passo

Você já deve ter percebido que existem várias formas e diversos instrumentos para fazer o shibori, não é? A que separamos especificamente neste conteúdo, se chama itajime, e foi retirada do site Faz Fácil

Para fazê-la, você vai precisar de:

  • Corante para tecidos de algodão (aqui será utilizada as cores azul turquesa e índigo)
  • Fixador de corante 
  • Prendedor de roupa
  • Luvas de borracha
  • Tecido de algodão
  • Pedaços de papelão
  • Palitos de picolé
  • Colher de sopa
  • Panela funda
  • Estilete ou tesoura
  • Elásticos
  • Lápis ou caneta
  • Bacia

Agora vamos ao passo a passo!

1. Lave o tecido para que ele fique totalmente limpo. Depois que estiver seco, passe-o a ferro. 

2. Dobre o tecido no sentido do comprimento várias vezes, como uma sanfona. Atente-se sempre para que as dobras fiquem todas do mesmo tamanho.

3. Assim que finalizar, dobre um canto do tecido na diagonal.

4. Feito isso, continue dobrando, mantendo sempre o mesmo tamanho, até que o tecido vire um pequeno triângulo.

5. Pegue esse triângulo e risque-o no papelão, como mostra a imagem abaixo.

6. Coloque um prendedor no triângulo de tecido para que ele não se solte.

7. Com a tesoura ou estilete, corte dois pedaços do papelão conforme a marcação que você fez. 

8. Coloque um pedaço de papelão na frente do triângulo e o outro atrás e prenda-os com os palitos de picolé e elásticos. Torça bem os elásticos para que tudo fique bem apertadinho.

9. Encha a panela com água de forma que dê para cobrir o shibori e acenda o fogo.

10. Quando começar a ferver, adicione duas colheres de sopa de um corante e mais uma colher de outro corante (aqui foram duas do índigo e uma do azul turquesa, que criou um tom de azul nem escuro e nem claro demais). 

Caso você resolva tingir uma peça maior do que essa (tamanho usado em um jogo americano), basta aumentar a quantidade de corante, mantendo essa proporção de 2 para 1.

11. Mergulhe o shibori no corante e mexa por 30 minutos. 

12. Em uma bacia de água fria com duas colheres de sopa de fixador dissolvidos, mergulhe o shibori. 

Deixe-o por lá por 30 minutos e, logo em seguida, enxague-o na torneira.

Não se esqueça de utilizar as luvas nesse processo, uma vez que é difícil retirar o corante das mãos.

13. Pendure o shibori ao ar livre e deixe-o escorrer por pelo menos duas horas antes de abri-lo. Embora ele não precise secar completamente, caso você o abra molhado, o trabalho poderá ficar manchado.

Veja só o resultado quando você abrir o seu shibori!

Neste passo a passo foi utilizada a forma triangular. Mas você pode fazer o mesmo processo com retângulos. Fica a dica!

Peças de shibori para se inspirar

Agora é hora de conhecer algumas peças e estampas feitas com a técnica shibori para você se inspirar e não pensar duas vezes antes de querer customizar algumas roupas, sejam pessoais ou de cama.

E então, o que você achou dessas novidades? Agora que aprendeu a técnica shibori passo a passo e sabe tudo sobre ela, é hora de colocar a mão na massa e produzir lindas estampas. 

Deixe nos comentários suas dúvidas, sugestões e diga se já conheciam essa técnica.

Veja também
3 Técnicas para Tingir Roupa Preta de Forma Simples
Como Tingir Roupa: 5 Formas Fáceis e Práticas

Compartilhe onde preferir

Revista Artesanato

Queremos mostrar a você os melhores trabalhos manuais para se fazer, gastando pouco dinheiro e o mais fácil possível para que qualquer pessoa possa fazer.




Comentários

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.


Você pode usar estas tags HTML e atributos:

Artesanato em Tecido Veja mais >>

JA CONHECE NOSSOS CURSOS?

Mais cursos

Receba ideias gratis por email

[Grátis]
[Grátis]